Esdras 8:1-36

8  Estes foram os cabeças das casas paternas e dos que foram alistados com eles, por família, que saíram comigo de Babilónia durante o reinado do rei Artaxerxes:+  dos filhos de Fineias:+ Gérson; dos filhos de Itamar:+ Daniel; dos filhos de David: Hatus;  dos filhos de Secanias, dos filhos de Parós: Zacarias, e com ele 150 homens alistados;  dos filhos de Paate-Moabe:+ Elioenai, filho de Zeraías, e com ele 200 homens;  dos filhos de Zatu:+ Secanias, filho de Jaaziel, e com ele 300 homens;  dos filhos de Adim:+ Ebede, filho de Jonatã, e com ele 50 homens;  dos filhos de Elão:+ Jesaías, filho de Atalias, e com ele 70 homens;  dos filhos de Sefatias:+ Zebadias, filho de Micael, e com ele 80 homens;  dos filhos de Joabe: Obadias, filho de Jeiel, e com ele 218 homens; 10  dos filhos de Bani: Selomite, filho de Josifias, e com ele 160 homens; 11  dos filhos de Bebai:+ Zacarias, filho de Bebai, e com ele 28 homens; 12  dos filhos de Azgade:+ Joanã, filho de Hacatã, e com ele 110 homens; 13  dos filhos de Adonicão,+ os nomes dos que foram os últimos a voltar eram: Elifelete, Jeiel e Semaías, e com eles 60 homens; 14  e dos filhos de Bigvai:+ Utai e Zabude, e com eles 70 homens. 15  Reuni-os junto ao rio que corre para Aava,+ onde acampámos três dias. No entanto, quando inspecionei o povo e os sacerdotes, não encontrei nenhum levita. 16  Assim, mandei chamar Eliézer, Ariel, Semaías, Elnatã, Jaribe, Elnatã, Natã, Zacarias e Mesulão, homens da liderança, e Joiaribe e Elnatã, que eram instrutores. 17  De seguida, enviei-os a Ido, o líder do lugar chamado Casifia. Eu disse-lhes para pedirem a Ido e aos seus irmãos, os servos do templo* que estavam em Casifia, que nos trouxessem servos para a casa do nosso Deus. 18  Visto que a boa mão do nosso Deus estava sobre nós, trouxeram-nos um homem de bom critério* dos filhos de Mali,+ neto de Levi, filho de Israel, a saber, Serebias,+ com os seus filhos e os seus irmãos, 18 homens; 19  e também Hasabias, e com ele Jesaías, dos meraritas,+ com os seus irmãos e respetivos filhos, 20 homens. 20  E havia 220 servos do templo,* que David e os príncipes deram para ajudar os levitas no seu serviço, todos designados por nome. 21  Então, proclamei um jejum, junto ao rio Aava, para nos humilharmos diante do nosso Deus e para lhe pedirmos orientação para a viagem que faríamos com os nossos filhos e com todos os nossos bens. 22  Tive vergonha de pedir ao rei que providenciasse soldados e cavaleiros que nos protegessem dos inimigos pelo caminho, visto que tínhamos dito ao rei: “A boa mão do nosso Deus está sobre todos os que o procuram,+ mas a sua força e a sua ira estão contra todos os que o abandonam.”+ 23  Por isso, jejuámos e fizemos pedidos a este respeito ao nosso Deus, e ele ouviu as nossas súplicas.+ 24  Dentre os chefes dos sacerdotes, escolhi 12: Serebias, Hasabias+ e dez dos seus irmãos. 25  Pesei-lhes a prata, o ouro e os utensílios — a contribuição que o rei, os seus conselheiros, os seus príncipes e todos os israelitas que lá estavam tinham feito para a casa do nosso Deus.+ 26  Pesei e entreguei-lhes 650 talentos* de prata, 100 utensílios de prata que pesavam 2 talentos, 100 talentos de ouro, 27  além de 20 tigelas de ouro que valiam 1000 daricos* e dois utensílios de cobre refinado, com brilho vermelho, preciosos como o ouro. 28  Eu disse-lhes então: “Vocês são santos para Jeová,+ e os utensílios são sagrados, e a prata e o ouro são uma oferta voluntária a Jeová, o Deus dos vossos antepassados. 29  Cuidem bem destas coisas até que as pesem nas salas* da casa de Jeová, perante os chefes dos sacerdotes e dos levitas, e perante os príncipes das casas paternas de Israel, em Jerusalém.”+ 30  E os sacerdotes e os levitas receberam a prata, o ouro e os utensílios que tinham sido pesados, a fim de levá-los para Jerusalém, para a casa do nosso Deus. 31  Por fim, no dia 12 do primeiro mês,+ partimos do rio Aava+ para Jerusalém. A mão do nosso Deus estava sobre nós, e ele livrou-nos das mãos dos inimigos e das emboscadas pelo caminho. 32  Chegámos então a Jerusalém,+ onde permanecemos durante três dias. 33  E, no quarto dia, pesámos a prata, o ouro e os utensílios na casa do nosso Deus,+ e entregámo-los ao sacerdote Meremote,+ filho de Urias. Com ele estavam Eleazar, filho de Fineias, e os levitas Jozabade,+ filho de Jesua, e Noadias, filho de Binui.+ 34  Tudo foi contado e pesado, e o peso total foi registado. 35  Os que saíram do cativeiro, que retornaram do exílio, apresentaram sacrifícios queimados ao Deus de Israel: 12 novilhos+ por todo o Israel, 96 carneiros,+ 77 cordeiros e 12 bodes+ como oferta pelo pecado — tudo como oferta queimada a Jeová.+ 36  Então, entregámos os decretos do rei+ aos sátrapas* do rei e aos governadores da região a oeste do rio Eufrates,*+ e eles deram apoio ao povo e à casa do verdadeiro Deus.+

Notas de rodapé

Ou: “os netineus”. Lit.: “os que foram dados”.
Ou: “homem prudente”.
Ou: “netineus”. Lit.: “os que foram dados”.
Um talento equivalia a 34,2 kg. Veja o Ap. B14.
O darico era uma moeda persa de ouro. Veja o Ap. B14.
Ou: “nos refeitórios”.
Título que significa “protetores do reino”, aqui usado para se referir aos governadores das províncias no Império Persa.
Ou: “região Além do Rio; região do Transeufrates”.

Notas de estudo

Multimédia