Atos 18:1-28

18  Depois disso, ele partiu de Atenas e chegou a Corinto.  Lá, encontrou um judeu chamado Áquila,+ natural de Ponto, que tinha chegado recentemente de Itália com Priscila, sua esposa, pois Cláudio tinha ordenado que todos os judeus deixassem Roma. Então, ele foi visitá-los  e, visto que tinham a mesma profissão, ficou na casa deles e trabalhou com eles,+ pois eram fabricantes de tendas.  Todos os sábados,+ ele fazia um discurso* na sinagoga+ e persuadia judeus e gregos.  Quando Silas+ e Timóteo+ desceram da Macedónia, Paulo passou a dedicar-se inteiramente à pregação da palavra, dando testemunho aos judeus e provando que Jesus é o Cristo.+  Visto, porém, que eles continuavam a opor-se a ele e a insultá-lo, ele sacudiu a roupa+ e disse-lhes: “Que o vosso sangue recaia sobre a vossa própria cabeça.+ Eu estou limpo.+ A partir de agora, irei às pessoas das nações.”+  Assim, saiu de lá* e entrou na casa de um homem chamado Tício Justo, adorador de Deus; a casa dele ficava ao lado da sinagoga.  Porém, Crispo,+ presidente da sinagoga, tornou-se crente no Senhor, com todos os da sua casa. E muitos coríntios que tinham ouvido a palavra passaram a crer e foram batizados.  Além disso, o Senhor disse a Paulo numa visão, à noite: “Não tenhas medo, mas persiste em falar e não fiques calado, 10  porque eu estou contigo+ e ninguém te atacará de modo a fazer-te mal. Pois muitas pessoas nesta cidade me pertencem.” 11  Assim, ele permaneceu lá durante um ano e seis meses, ensinando a palavra de Deus entre eles. 12  Enquanto Gálio era procônsul* da Acaia, os judeus, num esforço conjunto, atacaram Paulo e levaram-no ao tribunal, 13  dizendo: “Este homem está a persuadir as pessoas a adorar a Deus de uma maneira contrária à lei.” 14  No entanto, quando Paulo ia começar a falar, Gálio disse aos judeus: “Se isto se tratasse realmente de algo errado ou de um crime grave, seria razoável que eu vos ouvisse pacientemente. 15  Mas, se são controvérsias sobre palavras, sobre nomes e sobre a vossa própria lei,+ isso é lá convosco. Não quero ser juiz dessas coisas.” 16  Então, expulsou-os do tribunal. 17  Assim, agarraram em Sóstenes,+ presidente da sinagoga, e começaram a espancá-lo diante do tribunal. Contudo, Gálio não se queria envolver com estas coisas. 18  Depois de ali ficar durante vários dias, Paulo despediu-se dos irmãos e navegou para a Síria, acompanhado de Priscila e Áquila. Em Cencreia,+ cortou o cabelo rente, pois tinha feito um voto. 19  Assim, chegaram a Éfeso, e ele deixou-os lá. Ele, porém, entrou na sinagoga e raciocinou com os judeus.+ 20  Embora lhe pedissem que ficasse por mais tempo, ele não aceitou, 21  mas despediu-se e disse-lhes: “Voltarei aqui novamente, se Jeová* quiser.” Então, embarcou em Éfeso 22  e desceu até Cesareia. Subiu,* cumprimentou a congregação e, seguidamente, desceu para Antioquia.+ 23  Depois de lá passar algum tempo, partiu e percorreu toda a região da Galácia e da Frígia,+ fortalecendo todos os discípulos.+ 24  Entretanto, um judeu chamado Apolo,+ natural de Alexandria, chegou a Éfeso. Era um homem eloquente que tinha um grande conhecimento das Escrituras. 25  Este homem tinha sido instruído* no caminho de Jeová* e, fervoroso no espírito,* falava e ensinava sobre Jesus com exatidão, mas conhecia apenas o batismo de João. 26  Ele começou a falar corajosamente na sinagoga e, quando Priscila e Áquila+ o ouviram, chamaram-no em particular e explicaram-lhe com mais exatidão o caminho de Deus. 27  Além disso, como ele queria ir para a Acaia, os irmãos escreveram aos discípulos pedindo que o recebessem bondosamente. Quando lá chegou, ajudou muito os que se tinham tornado crentes pela bondade imerecida de Deus; 28  pois, em público e com grande determinação, ele provava plenamente que os judeus estavam errados, demonstrando-lhes pelas Escrituras que Jesus é o Cristo.+

Notas de rodapé

Ou: “ele raciocinava com eles”.
Isto é, saiu da sinagoga.
Governador romano de uma província. Veja o Glossário.
Veja o Ap. A5.
Aparentemente a Jerusalém.
Ou: “instruído oralmente”.
Veja o Ap. A5.
Aparentemente, refere-se ao espírito de Deus.

Notas de estudo

Multimédia