Levítico 21:1-24

21  Jeová disse a Moisés: “Diz aos sacerdotes, os filhos de Arão: ‘Nenhum sacerdote se deve tornar impuro por causa de uma pessoa morta* dentre o seu povo.+  Mas pode fazê-lo no caso de um parente consanguíneo próximo, como a sua mãe, o seu pai, o seu filho, a sua filha e o seu irmão.  E ele pode tornar-se impuro pela sua irmã, se ela for virgem, morar perto dele* e ainda não se tiver casado.  Ele não se pode tornar impuro, profanando-se pelo cadáver de uma mulher cujo marido faz parte do povo.  Eles não devem rapar a cabeça,+ nem rapar os lados da barba, nem fazer cortes no corpo.+  Devem ser santos para o seu Deus+ e não devem profanar o nome do seu Deus,+ pois apresentam as ofertas feitas por fogo a Jeová, que são o pão* do seu Deus; e eles devem ser santos.+  Não se devem casar com uma prostituta,+ nem com uma mulher que tenha sido desonrada, nem com uma mulher divorciada do seu marido,+ porque o sacerdote é santo para Deus.  Santifica-o,+ porque é ele quem apresenta o pão do teu Deus. Ele deve ser santo para vocês, porque eu, Jeová, que vos santifico, sou santo.+  “‘Se a filha de um sacerdote se profanar por cometer prostituição, estará a profanar o seu pai. Deve ser queimada no fogo.+ 10  “‘O sumo sacerdote entre os seus irmãos, sobre cuja cabeça se derramou o óleo de unção+ e que foi ordenado* para usar as vestes sacerdotais,+ não deve deixar o seu cabelo ficar descuidado nem rasgar as suas vestes.+ 11  Ele não se deve aproximar de nenhum morto;*+ não se deve tornar impuro nem mesmo pelo seu pai ou pela sua mãe. 12  Ele não deve sair do santuário nem profanar o santuário do seu Deus,+ pois o sinal de dedicação, o óleo de unção do seu Deus,+ está sobre ele. Eu sou Jeová. 13  “‘Deve tomar como esposa uma virgem.+ 14  Não se pode casar com uma viúva, nem com uma mulher divorciada, nem com uma mulher que tenha sido desonrada, nem com uma prostituta; mas deve tomar como esposa uma virgem do seu povo. 15  Não deve profanar a sua descendência* entre o povo,+ pois eu sou Jeová, que o santifico.’” 16  Jeová continuou a dizer a Moisés: 17  “Diz a Arão: ‘Nenhum homem entre os teus descendentes,* por todas as suas gerações, que tiver um defeito pode aproximar-se para apresentar o pão do seu Deus. 18  Se houver um homem que tem um defeito, ele não se pode aproximar: um homem cego, ou coxo, ou que tem o rosto desfigurado,* ou que tem um membro demasiado comprido; 19  um homem que tenha o pé ou a mão fraturados; 20  um corcunda ou um anão;* ou um homem que tenha um defeito nos olhos, ou um eczema, ou uma infeção na pele,* ou que tenha os testículos defeituosos.+ 21  Nenhum homem entre os descendentes* de Arão, o sacerdote, que tenha um defeito pode aproximar-se para apresentar as ofertas feitas por fogo a Jeová. Por ter um defeito, não se pode aproximar para apresentar o pão do seu Deus. 22  Pode comer o pão do seu Deus dentre as coisas santíssimas+ e dentre as coisas sagradas.+ 23  No entanto, ele não se pode aproximar da cortina+ nem se pode aproximar do altar,+ porque tem um defeito. Ele não deve profanar o meu santuário,+ pois eu sou Jeová, que os santifico.’”+ 24  Assim, Moisés falou a Arão e aos seus filhos, e a todos os israelitas.

Notas de rodapé

Ou: “uma alma”.
Lit.: “for próxima dele”.
Ou: “alimento”, referindo-se aos sacrifícios.
Lit.: “cuja mão foi enchida”.
Ou: “uma alma morta”. Aqui, a palavra hebraica néfesh aparece juntamente com uma palavra hebraica que significa “morto”.
Lit.: “semente”.
Lit.: “da tua semente”.
Lit.: “ou com o seu nariz fendido”.
Ou, possivelmente: “um homem emaciado”.
Ou: “tinha favosa”.
Lit.: “a semente”.

Notas de estudo

Multimédia