1 Coríntios 14:1-40

14  Empenhem-se pelo amor, mas continuem a esforçar-se pelos* dons espirituais, de preferência, o de profetizar.+  Pois quem fala em outra língua não fala a homens, mas a Deus, porque ninguém entende,+ embora ele fale de segredos sagrados+ pelo espírito.  Quem profetiza, contudo, edifica, encoraja e consola homens com as suas palavras.  Quem fala em outra língua edifica-se a si mesmo, mas quem profetiza edifica a congregação.  Eu gostaria que todos vocês falassem em línguas,+ mas prefiro que profetizem.+ Na verdade, quem profetiza é maior do que aquele que fala em línguas, a menos que este interprete,* para que a congregação seja edificada.  Mas, irmãos, se eu fosse agora visitar-vos a falar em línguas, que bem é que eu vos faria, a não ser que vos falasse com uma revelação,+ com conhecimento,+ com uma profecia ou com um ensinamento?  O mesmo acontece com as coisas inanimadas que produzem som, quer seja uma flauta, quer seja uma harpa. Se as notas não forem bem distintas, como é que alguém reconhecerá o que se toca na flauta ou na harpa?  Pois, se a trombeta não der um toque claro, quem é que se preparará para a batalha?  Do mesmo modo, se não proferirem com a língua palavras que sejam fáceis de entender, como é que alguém saberá o que se diz? Na verdade, estarão a falar ao vento. 10  Pode ser que se falem muitos idiomas diferentes no mundo, mas não há nenhum que não tenha significado. 11  Pois, se eu não entender o sentido do que se diz, serei um estrangeiro para aquele que fala, e aquele que fala será um estrangeiro para mim. 12  Assim, também vocês, visto que desejam tanto ter os dons do espírito, procurem ter em abundância dons que edificarão a congregação.+ 13  Portanto, quem fala em outra língua ore para que a possa interpretar.*+ 14  Pois, se eu oro em outra língua, é o meu dom do espírito que ora, mas a minha mente fica improdutiva. 15  O que se deve fazer, então? Orarei com o dom do espírito, mas orarei também com a minha mente. Cantarei louvores com o dom do espírito, mas cantarei louvores também com a minha mente. 16  De outro modo, se deres louvor com um dom do espírito, como é que a pessoa comum que está no vosso meio dirá “amém” aos teus agradecimentos, visto que não sabe o que estás a dizer? 17  É verdade que dás graças de um modo excelente, mas o outro não está a ser edificado. 18  Agradeço a Deus por falar em mais línguas do que todos vocês. 19  Contudo, numa congregação, prefiro dizer cinco palavras com a minha mente,* para também instruir* outros, do que dizer dez mil palavras em outra língua.+ 20  Irmãos, não se tornem crianças no vosso entendimento.+ Sejam crianças quanto à maldade,+ e tornem-se adultos no vosso entendimento.+ 21  Está escrito na Lei: “‘Pela língua de estrangeiros e pelos lábios de estranhos falarei a este povo, e mesmo assim irão recusar-se a ouvir-me’, diz Jeová.”*+ 22  Portanto, as línguas não servem de sinal para os crentes, mas para os descrentes,+ ao passo que a profecia não é para os descrentes, mas para os crentes. 23  Assim, se toda a congregação se reunir e todos falarem em línguas, e entrarem pessoas comuns ou descrentes, será que não vão dizer que vocês estão loucos? 24  Porém, se todos vocês estiverem a profetizar e entrar um descrente ou uma pessoa comum, ele será repreendido e cuidadosamente examinado por todos. 25  Os segredos do seu coração serão então revelados, de modo que ele se prostrará com o rosto por terra e adorará a Deus, declarando: “Deus realmente está no vosso meio.”+ 26  O que deve, então, ser feito, irmãos? Quando se reúnem, um tem um salmo, outro tem um ensinamento, outro tem uma revelação, outro fala em outra língua, e outro tem uma interpretação.+ Que todas as coisas ocorram para a edificação. 27  E, se alguém falar em outra língua, que isso seja limitado a dois ou, no máximo, três, um de cada vez, e alguém deve interpretar.*+ 28  Contudo, se não houver intérprete,* ele deve ficar calado na congregação e falar consigo mesmo e com Deus. 29  Que dois ou três profetas+ falem, e os outros discirnam o significado. 30  Todavia, se outro recebe uma revelação enquanto está lá sentado, que aquele que estava a falar se cale. 31  Pois todos vocês podem profetizar, um de cada vez, para que todos aprendam e sejam encorajados.+ 32  E o dom espiritual dos profetas deve ser controlado pelos profetas. 33  Pois Deus não é Deus de desordem, mas de paz.+ Como em todas as congregações dos santos, 34  que as mulheres fiquem caladas nas congregações, pois não lhes é permitido falar.+ Em vez disso, que estejam em sujeição,+ como também diz a Lei. 35  Se elas quiserem aprender algo, perguntem ao marido, em casa, pois é vergonhoso para uma mulher falar na congregação. 36  Foi de vocês que a palavra de Deus se originou? Será que foram vocês os únicos que ela alcançou? 37  Se alguém acha que é profeta ou que tem um dom do espírito, ele deve reconhecer que as coisas que vos estou a escrever são o mandamento do Senhor. 38  Mas, se alguém desconsiderar isto, ele será desconsiderado.* 39  Portanto, meus irmãos, continuem a esforçar-se pelo profetizar;+ contudo, não proíbam o falar em línguas.+ 40  No entanto, que todas as coisas ocorram com decência e ordem.+

Notas de rodapé

Ou: “continuem a buscar zelosamente os”.
Ou: “traduza”.
Ou: “traduzir”.
Ou: “com o meu entendimento”.
Ou: “instruir oralmente”.
Veja o Ap. A5.
Ou: “traduzir”.
Ou: “tradutor”.
Ou, possivelmente: “se alguém ignora isto, continuará na ignorância”.

Notas de estudo

Multimédia