Ir para conteúdo

Ir para menu secundário

Ir para conteúdo

Testemunhas de Jeová

Língua Gestual Portuguesa

A Bíblia — Qual É a Sua Mensagem?

SECÇÃO 11

Canções inspiradas que consolam e ensinam

Canções inspiradas que consolam e ensinam

Davi e outros compuseram canções para uso na adoração. O livro de Salmos preserva a letra de 150 delas

O MAIOR livro da Bíblia, Salmos, é uma compilação de canções sagradas que levou cerca de mil anos para ser concluída. Esse livro contém algumas das mais profundas e comoventes expressões de fé já escritas. Exprime uma ampla variedade de emoções humanas: da alegria, louvor e agradecimento à tristeza, pesar e arrependimento. Fica evidente que os salmistas tinham uma relação de confiança e de achego com Deus. Considere alguns temas desenvolvidos nessas obras líricas.

Jeová é o Soberano legítimo, merecedor de adoração e louvor. “Tu, cujo nome é Jeová, somente tu és o Altíssimo sobre toda a terra”, lemos no Salmo 83:18. Vários salmos louvam a Jeová por suas obras criativas, tais como os céus estrelados, as maravilhas da vida na Terra e do corpo humano. (Salmos 8, 19, 139, 148) Outros glorificam a Jeová como o Deus que age para salvar e proteger os que lhe são leais. (Salmos 18, 97, 138) Ainda outros o exaltam como o Deus de justiça, que dá alívio aos oprimidos e pune os perversos. — Salmos 11, 68, 146.

Jeová ajuda e consola os que o amam. Talvez o salmo mais famoso seja o 23, em que Davi descreve Jeová como Pastor amoroso que guia, protege e cuida de suas ovelhas. O Salmo 65:2 lembra aos adoradores de Deus que Jeová é o “Ouvinte de oração”. Muitos que cometeram uma transgressão grave encontram grande consolo nos Salmos 39 e 51, onde Davi exprime com sinceridade seu arrependimento por erros graves e expressa sua fé no perdão de Jeová. O Salmo 55:22 traz uma exortação para confiar em Jeová e para lançar sobre ele todos os nossos fardos pessoais.

Jeová mudará o mundo por meio do Reino do Messias. Várias passagens nos Salmos se aplicam claramente ao Messias, o predito Rei. O Salmo 2 profetiza que esse Governante destruirá as perversas nações, que se opõem a ele. O Salmo 72 revela que esse Rei acabará com a fome, a injustiça e a opressão. De acordo com o Salmo 46:9, por meio do Reino messiânico, Deus acabará com a guerra e até mesmo destruirá todas as armas de guerra. No Salmo 37, lemos que os maus serão eliminados e os justos viverão na Terra para sempre, com paz global e harmonia.

— Baseado no livro dos Salmos.