Ir para conteúdo

Ir para menu secundário

Ir para conteúdo

Testemunhas de Jeová

Língua Gestual Portuguesa

A Bíblia — Qual É a Sua Mensagem?

SECÇÃO 7

Deus liberta os filhos de Israel

Deus liberta os filhos de Israel

Jeová golpeia o Egito com pragas e Moisés conduz os filhos de Israel para fora do país. Deus dá a Lei a Israel por meio de Moisés

POR muitos anos, os filhos de Israel viveram no Egito, prosperando e se multiplicando. No entanto, surgiu um novo Faraó. Esse governante não conhecia José. Como tirano corrupto que temia o crescente número dos israelitas, ele os transformou em escravos e ordenou que todos os meninos israelitas recém-nascidos fossem afogados no rio Nilo. Mas uma mãe corajosa protegeu seu bebê, escondendo-o numa cesta entre os juncos. A filha de Faraó descobriu o bebê, chamou-o de Moisés e criou-o no meio da realeza egípcia.

Quando tinha 40 anos, Moisés se meteu em apuros ao defender um escravo israelita contra um capataz egípcio. Ele fugiu para uma terra distante, onde viveu em exílio. Quando Moisés tinha 80 anos, Jeová enviou-o de volta ao Egito para comparecer perante Faraó e exigir a libertação do povo de Deus.

Faraó recusou firmemente. Em vista disso, Deus golpeou o Egito com dez pragas. Toda vez que Moisés comparecia perante Faraó para dar-lhe a oportunidade de evitar a próxima praga, Faraó se mostrava insolente, tratando a Moisés e seu Deus, Jeová, com desprezo. Por fim, a décima praga resultou na morte de todos os primogênitos do país — exceto nas famílias que obedeceram a Jeová por marcar o batente das portas de suas casas com o sangue de um cordeiro sacrificado. O anjo de Deus encarregado da destruição passou por alto essas casas. Os israelitas passaram a comemorar essa maravilhosa libertação por meio de uma celebração anual chamada Páscoa.

Tendo perdido seu próprio primogênito, Faraó ordenou que Moisés e todos os israelitas deixassem o Egito. Eles imediatamente organizaram o Êxodo. Mas Faraó mudou de ideia. Ele foi atrás deles com muitos guerreiros e carros de guerra. Os israelitas pareciam estar encurralados na margem do mar Vermelho. Jeová partiu o mar Vermelho, permitindo que os israelitas passassem através de um leito seco, entre paredes de água! Quando os egípcios avançaram atrás deles, Deus fez com que as águas desabassem, afogando Faraó e seu exército.

Mais tarde, quando os israelitas acamparam perto do monte Sinai, Jeová fez um pacto com eles. Usando Moisés como mediador, Deus deu a Israel leis que proviam orientação e proteção em praticamente todos os aspectos da vida. Enquanto Israel aceitasse fielmente o governo divino, Jeová estaria com eles e faria dessa nação uma bênção para outros povos.

No entanto, a maioria dos israelitas mostrou uma desapontadora falta de fé em Deus. Portanto, Jeová fez aquela geração vagar no deserto por 40 anos. Então, Moisés encarregou o justo Josué para sucedê-lo. Finalmente, Israel estava pronto para entrar na terra que Deus havia prometido a Abraão.

— Baseado em Êxodo; Levítico; Números; Deuteronômio; Salmo 136:10-15; Atos 7:17-36.