Ir para conteúdo

Ir para índice

 ESTUDO 1

“Não fiques ansioso, pois eu sou o teu Deus”

“Não fiques ansioso, pois eu sou o teu Deus”

“Não tenhas medo, pois estou contigo. Não fiques ansioso, pois eu sou o teu Deus. Vou fortalecer-te, sim, vou ajudar-te.” — ISA. 41:10.

CÂNTICO 7 Jeová, Nossa Força e Poder

O QUE VAMOS VER *

1, 2. (a) Como é que as palavras de Isaías 41:10 ajudaram uma irmã chamada Yoshiko? (b) Porque é que Jeová deixou essa mensagem registada até hoje?

YOSHIKO, uma irmã fiel, recebeu uma notícia nada agradável da sua médica. Ela só tinha mais alguns meses de vida. Como é que Yoshiko reagiu? Ela lembrou-se de um dos seus textos bíblicos favoritos, Isaías 41:10. (Leia.) Muito calma, ela disse à médica que não tinha medo, porque Jeová estava a segurar a mão dela. * Esse versículo deu forças à nossa querida irmã para confiar totalmente em Jeová. Esse mesmo versículo também pode ajudar-nos a continuarmos calmos se passarmos por situações difíceis. Como? Antes de vermos isso, vamos analisar o motivo de Jeová ter dito essas palavras.

2 Jeová fez com que Isaías escrevesse essas palavras para consolar os judeus que mais tarde seriam levados presos para Babilónia. No entanto, Jeová não fez isso só por causa deles. Ele quis que essa mensagem ficasse registada para consolar todos os seus servos, desde aquele tempo até hoje. (Isa. 40:8; Rom. 15:4) Agora, que vivemos em “tempos críticos, difíceis de suportar”, precisamos desse consolo mais do que nunca. — 2 Tim. 3:1.

3. (a) Que três promessas fez Deus em Isaías 41:10, o texto do ano para 2019? (b) Porque é que precisamos dessas garantias?

3 Neste estudo, vamos concentrar-nos em três promessas muito fortalecedoras que Jeová fez em Isaías 41:10: (1) Jeová vai estar connosco, (2) ele é o nosso Deus e (3)  ele vai ajudar-nos. Nós precisamos muito dessas garantias * porque, assim como Yoshiko, temos de lidar com dificuldades na nossa vida. Também temos de suportar as coisas más que acontecem no mundo. Além disso, alguns de nós estão a aguentar a perseguição de autoridades do governo. Portanto, vamos considerar as três garantias, uma de cada vez.

“ESTOU CONTIGO”

4. (a) Qual é a primeira garantia que vamos estudar? (Veja também a nota.) (b) Que palavras de Jeová mostram o grande amor que ele sente por nós? (c) Como é que se sente ao ouvir o que Jeová disse?

4 A primeira garantia de Jeová é: “Não tenhas medo, pois estou contigo.” * Jeová mostra que está connosco por nos dar toda a sua atenção e carinho. Note o grande amor que ele sente por nós quando diz: “Pois tornaste-te precioso aos meus olhos, foste honrado e eu amo-te.” (Isa. 43:4) Nada no Universo fará com que Jeová deixe de nos amar. Ele nunca deixará de ser leal aos seus servos. (Isa. 54:10) O amor de Deus por nós e a amizade dele fazem-nos ter mais coragem. Ele vai sempre proteger-nos, assim como protegeu o seu amigo Abrão (Abraão). Jeová disse-lhe: “Não tenhas medo, Abrão. Eu sou um escudo para ti.” — Gén. 15:1.

Jeová pode ajudar-nos a enfrentar qualquer dificuldade, mesmo que ela seja como “rios” ou “chamas” (Veja os parágrafos 5 e 6.) *

5, 6. (a) Como sabemos que Jeová quer ajudar-nos quando enfrentamos problemas? (b) O que aprendemos do exemplo de Yoshiko?

5 Quando enfrentamos algum problema na vida, Jeová quer ajudar-nos. Sabemos disso porque ele prometeu: “Quando passares pelas águas, estarei contigo, e, quando atravessares rios, eles não te cobrirão. Quando andares pelo fogo, não ficarás chamuscado, nem serás queimado pelas chamas.” (Isa. 43:2) O que é que Jeová quis dizer com estas palavras?

6 Jeová não promete remover os nossos problemas. O que ele promete é não deixar que os “rios” de dificuldades nos  afoguem ou que as “chamas” das provações nos causem danos permanentes. Jeová garante que vai estar ao nosso lado e vai ajudar-nos a “atravessar” esses desafios. Como é que ele vai fazer isso? Por nos dar calma. Assim, poderemos continuar leais, apesar de corrermos o risco de morrer. (Isa. 41:13) Yoshiko, mencionada antes, sentiu isso. A filha dela disse: “Foi impressionante ver como a minha mãe ficou tão calma. Vimos que Jeová lhe deu paz interior. Até ao dia em que morreu, a minha mãe falou de Jeová e das promessas dele com enfermeiros e pacientes.” O que é que o exemplo de Yoshiko nos ensina? Temos de confiar na promessa de Jeová: “Estarei contigo.” Isso vai dar-nos coragem e força para enfrentar provações.

“EU SOU O TEU DEUS”

7, 8. (a) Qual é a segunda garantia que Isaías registou, e o que é que ela significa? (b) Porque é que Jeová precisou de dizer “Não fiques ansioso” aos judeus presos em Babilónia? (c) Que palavras escritas em Isaías 46:3, 4 devem ter tranquilizado os servos de Jeová?

7 Note a segunda garantia que Isaías registou: “Não fiques ansioso, pois eu sou o teu Deus.” O que é que esta frase sobre ansiedade significa? Na língua original deste versículo, a palavra traduzida como “ficar ansioso” passa a ideia de “olhar por cima do ombro à espera de uma ameaça desconhecida” ou de “olhar à volta, assim como faz a pessoa que está numa situação perigosa”.

8 Porque é que Jeová precisou de fazer essa promessa aos judeus que iam presos para Babilónia? Porque ele sabia que quem estivesse a morar lá ia sentir medo. Qual seria o motivo desse medo? Assim que os judeus completassem setenta anos de prisão em Babilónia, Jeová iria usar os exércitos poderosos da Medo-Pérsia para atacar Babilónia e libertar os judeus. (Isa. 41:2-4) Quando os babilónios e as pessoas de outras nações vissem o inimigo a chegar, eles tentariam animar-se, dizendo: “Sê forte.” Eles também fariam mais ídolos de deuses falsos, na esperança de que lhes dessem alguma proteção. (Isa. 41:5-7) Enquanto isso, Jeová acalmou os judeus presos em Babilónia. Para mostrar a diferença entre Israel e as outras nações, Jeová disse: ‘Tu, ó Israel, és meu servo. Não fiques ansioso, pois eu sou o teu Deus.’ (Isa. 41:8-10) Note que Jeová disse: “Eu sou o teu Deus.” Ele estava a garantir aos judeus fiéis que não se tinha esquecido deles. Jeová ainda era o Deus deles, e eles ainda eram o seu povo. Jeová disse: ‘Irei carregar-vos e salvar-vos.’ Com certeza, essas palavras encorajaram bastante os judeus presos em Babilónia. — Leia Isaías 46:3, 4.

9, 10. Porque é que não precisamos de ficar com medo? Use uma ilustração.

9 Hoje, mais do que nunca, as pessoas à nossa volta estão ansiosas por causa dos problemas do mundo. É claro que nós também sofremos com os mesmos problemas. No entanto, não precisamos de ficar com medo. Jeová diz-nos: “Eu sou o teu Deus.” Porque é que saber isso nos ajuda a continuar calmos?

10 Pense nesta ilustração: Dois passageiros, o João e o Bruno, estão num avião. Ventos fortes fazem com que o avião abane muito. Os passageiros ouvem uma voz pelos altifalantes: “Não tirem os cintos de segurança. Teremos turbulência por alguns momentos.” O João começa a ficar com muito medo. Então, a voz nos  altifalantes diz: “Não se preocupem. Está tudo sob controlo. É o vosso piloto que está a falar.” O João ouve isso, mas continua preocupado. Ao olhar para o lado, vê que o Bruno não está nada ansioso e pergunta-lhe: “Como é que consegues ficar tão calmo?” O Bruno sorri e diz: “É porque eu conheço muito bem este piloto. É o meu pai!” Depois, o Bruno diz: “Vou contar-te algumas coisas sobre ele. Quando souberes o que ele já fez, vais ficar mais calmo.”

11. Que lições aprendemos da ilustração dos dois passageiros?

11 O que podemos aprender dessa ilustração? Assim como o Bruno, nós estamos calmos porque conhecemos muito bem o nosso Pai, Jeová. Sabemos que, quando os nossos problemas parecerem uma tempestade, Jeová vai ajudar-nos a passar por eles com segurança. (Isa. 35:4) Por confiarmos nele, conseguimos ficar calmos, apesar de o resto do mundo estar dominado pelo medo. (Isa. 30:15) Também imitamos o Bruno por contar a outras pessoas os motivos de confiarmos em Deus. Assim, elas também vão poder sentir que Jeová vai ajudá-las a enfrentar qualquer problema.

‘VOU FORTALECER-TE E AJUDAR-TE’

12. (a) Qual é a terceira garantia de Isaías 41:10? (b) A expressão “governará com o seu braço” lembra-nos de quê?

12 A terceira garantia de Jeová é: “Vou fortalecer-te, sim, vou ajudar-te.” Isaías já tinha descrito no capítulo anterior como Jeová iria fortalecer o seu povo: “Jeová virá com poder, e governará com o seu braço.” (Isa. 40:10) Na Bíblia, a palavra “braço”, muitas vezes, significa força ou poder. Por isso, a expressão “governará com o seu braço” lembra-nos de  que Jeová é um Rei poderoso. Em vários momentos no passado, ele usou o seu enorme poder para ajudar e defender os seus servos, e Jeová ainda faz isso hoje por aqueles que confiam nele. — Deut. 1:30, 31; Isa. 43:10, nota.

Nenhuma arma pode vencer o braço forte de Jeová (Veja os parágrafos 12 a 16.) *

13. (a) Em que situação específica é que Jeová cumpre sempre a promessa de nos fortalecer? (b) Que promessa de Deus é que nos dá força e confiança?

13 Uma situação em que Jeová cumpre sempre a promessa “Vou fortalecer-te” é quando enfrentamos perseguição. Em alguns países, inimigos estão a fazer tudo o que podem para acabar com a obra de pregação ou banir a nossa organização. Nós, porém, não ficamos demasiado ansiosos por causa disso. Jeová fez outra promessa que nos dá força e confiança. Ele disse: “Nenhuma arma feita contra ti será bem-sucedida.” (Isa. 54:17) Esta promessa lembra-nos de três factos importantes.

14. Porque é que não nos surpreende o facto de sermos perseguidos?

14 Primeiro, por sermos seguidores de Cristo, sabemos que vamos ser odiados. (Mat. 10:22) Jesus já tinha avisado que os seus discípulos seriam perseguidos durante os últimos dias. (Mat. 24:9; João 15:20) Segundo, os inimigos não vão apenas odiar-nos. Eles vão usar armas contra nós. Eles podem distorcer factos, divulgar mentiras ou até perseguir-nos de modo cruel. (Mat. 5:11) Jeová não vai impedir os nossos inimigos de usarem essas armas contra nós. (Efé. 6:12; Apo. 12:17) Mas não precisamos de ter medo. Porquê?

15, 16. (a) Qual é o terceiro facto de que nos devemos lembrar, e como é que Isaías 25:4, 5 mostra isso? (b) Como é que Isaías 41:11, 12 descreve o final daqueles que lutam contra nós?

15 Pense no terceiro facto de que nos devemos lembrar. Jeová disse que “nenhuma arma” que usem contra nós “será  bem-sucedida”. Assim como um muro nos protege de um temporal violento, Jeová protege-nos contra “o sopro dos tiranos”. (Leia Isaías 25:4, 5.) Os nossos inimigos nunca vencerão, porque Jeová pode reverter qualquer mal que eles tentem fazer contra nós. — Isa. 65:17.

16 Para confiarmos ainda mais em Jeová, ele diz-nos o que vai acontecer a “todos os que se enfurecem contra” nós. (Leia Isaías 41:11, 12.) Os inimigos podem tentar fazer o que quiserem para nos prejudicar, mas o final vai ser o mesmo: todos eles “serão reduzidos a nada e perecerão”.

COMO CONFIAR CADA VEZ MAIS EM JEOVÁ

Ler regularmente a Bíblia vai ajudar-nos a confiar cada vez mais em Jeová (Veja os parágrafos 17 e 18.) *

17, 18. (a) Porque é que ler a Bíblia nos ajuda a confiar mais em Jeová? Dê o exemplo encontrado em Isaías 40:11. (b) Porque é que meditar no texto do ano para 2019 pode ajudar-nos?

17 Se queremos confiar cada vez mais em Jeová, precisamos de conhecê-lo melhor. A única forma de conhecermos bem a Deus é por ler a Bíblia e meditar nela. A Bíblia contém relatos reais de como Jeová protegeu o seu povo no passado. Ler sobre eles faz-nos ter a confiança de que Jeová também vai cuidar de nós hoje.

18 Pense na comparação muito bonita que Isaías usa para mostrar como Jeová nos protege. Ele diz que Jeová é um pastor e que os servos dele são cordeiros. Isaías escreveu sobre Jeová: “Com o seu braço reunirá os cordeiros e irá carregá-los ao colo.” (Isa. 40:11) Quando sentimos Jeová a abraçar-nos com os seus braços fortes, sentimo-nos protegidos e calmos. Para nos ajudar a continuar calmos ao passar por dificuldades, o escravo fiel e prudente escolheu Isaías 41:10 para ser o texto do ano: “Não fiques ansioso, pois eu sou o teu Deus.” Medite nessa garantia de Jeová. Ela vai fazer com que você tenha mais força para lidar com os desafios que surgirão no futuro.

CÂNTICO 38 Jeová Vai Dar-te Força

^ par. 5 O texto do ano escolhido para 2019 dá-nos três motivos para continuarmos calmos apesar das coisas más que acontecem no mundo ou na nossa vida. Estudar esses motivos vai ajudar-nos a não ficarmos demasiado ansiosos e a confiarmos mais em Jeová. Medite no texto do ano. Tente decorá-lo. Este texto vai ajudá-lo a lidar com os desafios que ainda vão surgir.

^ par. 1 Veja A Sentinela de julho de 2016, página 18.

^ par. 3 ENTENDA MELHOR: Uma garantia é uma promessa de que algo vai, sem dúvida nenhuma, acontecer. As garantias que Jeová nos dá ajudam-nos a não ficarmos demasiado preocupados com os problemas que talvez surjam na nossa vida.

^ par. 4 NOTA: A expressão “Não tenhas medo” aparece três vezes em Isaías 41, nos versículos 10, 13 e 14. Esses mesmos versículos usam várias vezes a palavra “eu” (referindo-se a Jeová). Porque é que Jeová usou a palavra “eu” tantas vezes? Para destacar um facto muito importante: que o único modo de acabar com os nossos medos é por confiarmos em Jeová.

^ par. 52 IMAGEM: Membros de uma família enfrentam dificuldades no trabalho, com a saúde, na pregação e na escola.

^ par. 54 IMAGEM: A polícia invade uma reunião das Testemunhas de Jeová feita numa casa, mas os irmãos continuam calmos.

^ par. 56 IMAGEM: Fazer regularmente a Adoração em Família dá-nos forças para perseverar.