Ir para conteúdo

Será que a Bíblia ensina a reencarnação?

Será que a Bíblia ensina a reencarnação?

A resposta da Bíblia

Não, a Bíblia não ensina nada sobre a reencarnação. Na verdade, a palavra “reencarnação” nem sequer aparece na Bíblia. A reencarnação baseia-se na crença de que a alma continua viva depois de a pessoa morrer. * Mas a Bíblia ensina que a alma é a pessoa como um todo e que a alma morre. (Génesis 2:7, nota; Ezequiel 18:4) Quando uma pessoa morre, ela simplesmente deixa de existir. — Génesis 3:19; Eclesiastes 9:5, 6.

Qual a diferença entre a reencarnação e a ressurreição?

O ensino da ressurreição, que está na Bíblia, não se baseia na crença de que a alma continua viva após a morte. Na ressurreição, as pessoas que já morreram voltarão a viver por meio do poder de Deus. (Mateus 22:23, 29; Atos 24:15) A Bíblia ensina que as pessoas que forem ressuscitadas vão voltar a viver quando a Terra se tornar um paraíso. Elas vão ter a esperança de nunca mais morrer. — 2 Pedro 3:13; Apocalipse 21:3, 4.

Mitos que levam as pessoas a acreditar que a Bíblia ensina a reencarnação

Mito: A Bíblia diz que o profeta Elias reencarnou como João Batista.

Facto: Deus predisse: “Vou enviar-vos Elias, o profeta.” Jesus mostrou que João Batista cumpriu essa profecia. (Malaquias 4:5, 6; Mateus 11:13, 14) Mas isso não significa que Elias reencarnou como João Batista. O próprio João Batista disse que não era Elias. (João 1:21) Em vez disso, João fez obras semelhantes às de Elias. Por exemplo, assim como Elias, João pregou que as pessoas tinham de se arrepender. (1 Reis 18:36, 37; Mateus 3:1) João também mostrou que era “forte e poderoso como o profeta Elias”. — Lucas 1:13-17, Bíblia na Linguagem de Hoje.

Mito: Quando a Bíblia fala sobre “nascer de novo”, refere-se à reencarnação.

Facto: A Bíblia mostra que nascer de novo é um novo nascimento – em sentido espiritual – que ocorre quando a pessoa ainda está viva. (João 1:12, 13) O novo nascimento não é uma consequência inevitável das ações passadas da pessoa. Na verdade, é um presente de Deus, que dá à pessoa uma maravilhosa esperança para o futuro. — João 3:3; 1 Pedro 1:3, 4.

^ par. 3 A crença na imortalidade da alma e na reencarnação começou na antiga Babilónia. Mais tarde, filósofos indianos criaram a doutrina do carma. De acordo com a Britannica Encyclopedia of World Religions (Enciclopédia Britânica das Religiões do Mundo), carma é “a lei de causa e efeito, que estabelece que o que a pessoa faz na sua vida atual afetará a sua vida futura”. — Página 913.