Ir para conteúdo

OS JOVENS PERGUNTAM

É amor ou amizade? – Parte 1: Será que me estou a iludir?

É amor ou amizade? – Parte 1: Será que me estou a iludir?

Tu gostas muito de uma pessoa e tens a certeza de que ela sente o mesmo por ti. Afinal de contas, vocês estão sempre juntos, trocam mensagens e algumas dessas mensagens dão a entender que ela está interessada em ti.

Então, resolves abrir o jogo só para teres a certeza de que os dois sentem o mesmo. Mas és surpreendido quando ela responde: “Eu considero-te apenas como amigo [...] e nada mais.”

 Como alguns reagem

“Fiquei com muita raiva dele [...] e de mim também! Trocávamos mensagens todos os dias e ele dava a entender que gostava de mim. Acabei por começar a gostar dele.” — Jasmine.

“Havia um casal de namorados que me pedia sempre, a mim e a uma rapariga, para lhes fazermos companhia. Às vezes, parecia que também estávamos a namorar. Conversávamos bastante e trocávamos muitas mensagens. Eu não acreditei quando ela me disse que só me via como amigo e que já estava a conhecer outro rapaz.” — Richard.

“Havia um rapaz que me enviava mensagens todos os dias. Às vezes, namoriscávamos um pouco. Mas quando lhe contei o que estava a sentir, ele riu-se e disse: ‘Eu não quero namorar com ninguém agora!’ Chorei muito por causa disso.” — Tamara.

Conclusão: Quando percebes que estás a sentir algo diferente por alguém e descobres que não és correspondido, é normal ficares chateado, com vergonha e até te sentires traído. Um jovem chamado Steven disse: “Quando isso me aconteceu, senti-me muito mal. Isso acabou comigo. Demorou muito tempo até eu confiar novamente em alguém.”

 Porque isso acontece

Enviares mensagens a alguém e seres amigo dessa pessoa nas redes sociais facilita começares a gostar dela, mesmo que ela nunca tenha mostrado que gosta de ti. Vê o que alguns jovens dizem sobre isso.

“Às vezes um rapaz conversa contigo só para passar o tempo. Mas na tua cabeça tu achas que ele está interessado em ti. E, se ele te envia mensagens todos os dias, começas a achar que és muito importante para ele.” — Jennifer.

“Talvez duas pessoas passem muito tempo a trocar mensagens. O problema é que às vezes uma pessoa está interessada em namorar, mas a outra só quer conversar para se sentir melhor.” — James.

“Tu recebes uma simples mensagem de ‘boa noite’ e já achas que a outra pessoa está interessada em ti. Mas pode ser que ela só esteja a desejar-te boa noite, e nada mais.” — Hailey.

“Uma mensagem com um smiley pode ser entendida de duas formas: ou o rapaz está a ser simpático ou está interessado em ti. Mas, às vezes, o que acontece é que a rapariga pensa logo que ele está interessado nela.” — Alicia.

Conclusão: Não confundas simpatia com interesse em ti.

É verdade que às vezes é difícil reconhecer isso. A Bíblia diz: “O coração é mais traiçoeiro do que qualquer outra coisa e está desesperado.” (Jeremias 17:9) O coração até pode fazer-te acreditar que existe um relacionamento. Mas, depois, percebes que era tudo fantasia e imaginação da tua cabeça.

 O que podes fazer

  • Sê realista. Para e pense na tua amizade com a pessoa. Pergunta-te: ‘Tenho motivos reais para achar que ela está a tratar-me de modo especial?’ Não deixes que os teus sentimentos falem mais alto do que o teu bom senso. — Romanos 12:3.

  • Presta atenção aos detalhes. Talvez tenhas motivos para achar que vocês são mais do que amigos, mas pensa também um pouco no que te deixa com um pé atrás. Não penses que a outra pessoa está interessada em ti só porque tu gostas dela.

  • Tem paciência. Não te atires de cabeça num relacionamento enquanto a outra pessoa não deixar claro que pretende algo mais sério contigo.

  • Sê sincero. A Bíblia diz que há um tempo certo para falar. (Eclesiastes 3:7) Se quiseres saber se alguém te vê como mais do que um amigo, conversa sobre isso com essa pessoa. Uma jovem chamada Valerie diz: “Se os dois não sentem a mesma coisa um pelo outro, é melhor sofreres um pouco agora do que alimentares o sentimento durante muito tempo e, por fim, descobrires que essa pessoa nunca esteve interessada em ti.”

Conclusão: Provérbios 4:23 diz: “Protege o teu coração.” Se estás a começar a gostar de alguém, tenta descobrir se a outra pessoa sente o mesmo por ti. Alimentares os teus sentimentos sem teres a certeza de que vais ser correspondido é como plantares uma semente em cima de uma pedra e esperares que ela cresça. Vais acabar por ficar dececionado.

Se descobrires que a pessoa sente a mesma coisa por ti, então, é nessa altura que decides se vais continuar com o relacionamento. Mas só deves tomar essa decisão quando tiveres idade suficiente e estiveres pronto para namorar. Lembra-te: um casamento forte depende de o marido e a esposa terem os mesmos alvos espirituais e de serem sinceros e honestos um com o outro. (1 Coríntios 7:39) De facto, eles começam o relacionamento como bons amigos e continuam assim durante o casamento. — Provérbios 5:18.