Ir para conteúdo

OS JOVENS PERGUNTAM

É amor ou amizade? – Parte 2: Será que estou a iludir alguém?

É amor ou amizade? – Parte 2: Será que estou a iludir alguém?

O Lucas gosta muito de ajudar os amigos. Quando eles precisam de alguém para conversar, ele está sempre disposto a escutá-los. Mas, ultimamente, ele tem conversado bastante com a Carolina. Ele diz: ‘Nós somos apenas amigos.’ O problema é: Será que a Carolina também pensa assim? O que achas? Será que o Lucas deve ficar preocupado?

 O que pode acontecer

Não é errado um rapaz e uma rapariga serem amigos. Mas e se começas a dar muita atenção a uma pessoa? Nesse caso, ela pode acabar por pensar que existe alguma coisa para além da amizade.

Talvez a tua intenção não seja iludir essa pessoa. Mas isso pode acontecer, mesmo sem quereres. Vê porquê:

  • Tu dás muita atenção à outra pessoa, dando a entender que gostas dela.

    “É verdade que não podes controlar os sentimentos da outra pessoa. Mas não adianta nada dizer que vocês são apenas amigos e, depois, estares sempre a conversar com ela. É como se colocasses lenha numa fogueira.” — Sierra.

  • Tu não estás interessado nessa pessoa, mas respondes sempre quando ela fala contigo.

    “Eu nunca começava a conversa mas respondia a todas as mensagens que uma rapariga me enviava. Por isso, depois foi difícil explicar-lhe que eu não queria nada mais do que uma amizade.” — Richard.

  • Tu não queres nada sério mas dás conversa à pessoa.

    “Algumas pessoas pensam que namoriscar é inofensivo. Elas brincam com os sentimentos da outra pessoa sem quererem nada sério. Eu já vi isso acontecer várias vezes, e alguém acaba sempre magoado.” — Tamara.

Conclusão: Falares sempre com uma pessoa e dar-lhe muita atenção dá a entender que estás interessado nela.

 Porque pensar nisso é importante

  • A outra pessoa pode acabar magoada.

    A Bíblia diz: “A expectativa adiada faz adoecer o coração.” (Provérbios 13:12) Tenta colocar-te no lugar da outra pessoa. Por exemplo, se alguém desse a entender que está interessado em ti, o que esperarias que ela fizesse?

    “Se dás esperança a uma pessoa, mas não queres namorar com ela, vais acabar por magoá-la muito. Isso pode ser comparado a um pescador que apanha um peixe, mas não lhe faz nada nem o puxa para fora, nem o devolve à água.” — Jessica.

  • Isso prejudica a tua reputação.

    A Bíblia diz: ‘Procura não apenas os teus próprios interesses, mas também os interesses dos outros.’ (Filipenses 2:4) Como descreverias uma pessoa que só pensa nela própria? Que reputação é que ela teria?

    “Um rapaz que se mete com todas as raparigas não me atrai. Alguns rapazes fazem isso só para aumentarem a sua autoestima. Isso é muito egoísta. Se eles fazem isso agora, provavelmente farão a mesma coisa quando se casarem.” — Julia.

Conclusão: Às vezes, alguém dá a entender que está interessado numa pessoa mesmo sem querer namorar com ela. Quem faz isso acaba por magoar essa pessoa e a si próprio.

 O que podes fazer

  • A Bíblia diz que devemos tratar os ‘jovens como a irmãos’ e as ‘jovens como a irmãs, com toda a castidade’. (1 Timóteo 5:1, 2) Se fizeres isso, vais conseguir manter as amizades sem iludires ninguém.

    “Se eu fosse casada, não ia namoriscar com o marido de ninguém. Por isso, enquanto solteira, esforço-me para manter o respeito com os rapazes. Dessa forma, vou poder fazer o mesmo quando me casar.” — Leah.

  • A Bíblia diz: “Quando as palavras são muitas, a transgressão é inevitável.” (Provérbios 10:19) Este conselho aplica-se não só quando conversamos pessoalmente com alguém, mas também quando enviamos mensagens a essa pessoa. Isso inclui a frequência e o assunto das nossas conversas.

    “Não há necessidade de andares a enviar mensagens a uma rapariga todos os dias se não pretendes namorar com ela.” — Brian.

  • A Bíblia diz: “A sabedoria de cima é primeiramente pura.” (Tiago 3:17) Tu podes abraçar alguém sem maldade nenhuma, mas a pessoa pode pensar que estás interessado nela.

    “Eu tento manter as minhas conversas amigáveis, mas tenho cuidado para não me aproximar demasiado – nem em sentido físico, nem emocional.” — Maria.

Conclusão: Pensa bem na forma como tratas as pessoas do sexo oposto. Uma jovem chamada Jennifer disse: “É muito difícil conseguir boas amizades e, com certeza, não queremos acabar com elas por confundir as coisas.”

 Dicas

  • Presta atenção aos comentários de outros. Se alguém te perguntar: “Vocês estão a namorar?”, isso pode indicar que a tua amizade com essa pessoa está a ir longe demais.

  • Trata todos os teus amigos do sexo oposto da mesma forma. Para não iludires ninguém, não dês demasiada atenção apenas a uma pessoa.

  • Tem cuidado com as mensagens que envias, incluindo o que escreves, a frequência com que o fazes e a hora a que envias essas mensagens. Uma jovem chamada Alyssa disse o seguinte: “Não precisas de ficar a enviar mensagens para um rapaz a altas horas da noite.”