Pular para conteúdo

Tradução em língua de sinais quebequense supre a necessidade de surdos

Tradução em língua de sinais quebequense supre a necessidade de surdos

Nas regiões do leste do Canadá em que o idioma falado é o francês, a maioria dos surdos usa a língua de sinais quebequense (LSQ). * A comunidade de surdos que usa essa língua de sinais é de apenas 6 mil. Por isso, existem poucas publicações disponíveis em LSQ. Mas, para ajudar as pessoas a entender a Bíblia, recentemente as Testemunhas de Jeová intensificaram seus esforços para produzir publicações gratuitas de alta qualidade em LSQ.

Para entender por que esses esforços são tão importantes, veja a história de Marcel. Ele nasceu em 1941 na província canadense de Quebec. Dois anos depois, ele teve meningite e perdeu a audição. Marcel conta: “Aos nove anos, eu comecei a frequentar uma escola para surdos, e lá eu aprendi LSQ. Alguns livros ensinavam a língua de sinais básica, mas não havia nenhuma publicação em língua de sinais.”

Qual a importância de produzir publicações em LSQ? Marcel responde: “Os surdos querem obter informações numa língua que eles entendam bem, e não lutar com barreiras linguísticas. Sem as publicações em LSQ, nós dependemos dos idiomas falados — e a gente acaba perdendo muita coisa!”

Para atender às necessidades de Marcel e outros surdos que usam a LSQ, em 2005 as Testemunhas de Jeová lançaram a primeira publicação em LSQ. Recentemente elas ampliaram seu escritório de tradução em Montreal, Quebec. O escritório agora tem 7 voluntários trabalhando por tempo integral e mais de 12 trabalhando por meio período. Eles estão organizados em três equipes de tradução e produzem os vídeos em LSQ no local, em dois estúdios com equipamentos profissionais.

A comunidade de surdos que usa a LSQ reconhece a qualidade das publicações produzidas pelas Testemunhas de Jeová. Stéphan Jacques, diretor assistente da Associação de Surdos de Estrie, * disse: “Eu acho as publicações das Testemunhas de Jeová muito bem-feitas. Os sinais são muito claros e as expressões faciais são excelentes. Também gosto de ver como os que participam nos vídeos estão bem vestidos.”

A revista A Sentinela, usada nas reuniões semanais das Testemunhas de Jeová em todo o mundo, agora está disponível em LSQ para as 220 Testemunhas de Jeová e outros que frequentam sete congregações e grupos de LSQ em Quebec. * Além disso, as Testemunhas de Jeová continuam publicando on-line um número cada vez maior de outros vídeos em LSQ, incluindo músicas baseadas na Bíblia que fortalecem a fé.

Marcel, já citado, está muito animado porque agora existem mais publicações em LSQ disponíveis. Ele gosta, em especial, das produzidas pelas Testemunhas de Jeová. Marcel diz: “É uma benção ver tantos vídeos em LSQ no site jw.org. Eu fico muito feliz quando vejo tudo o que está disponível na minha língua!”

^ parágrafo 2 A LSQ (do francês Langue des signes québécoise) é uma língua de sinais única, apesar de ter algumas características da língua de sinais americana, que é a mais usada no mundo.

^ parágrafo 6 Uma instituição de caridade para surdos em Quebec.

^ parágrafo 7 A edição de estudo de A Sentinela em LSQ começou com o número de janeiro de 2017.