Pular para conteúdo

Pular para sumário

Fale a verdade

Fale a verdade

“Falem a verdade uns com os outros.” — ZAC. 8:16.

CÂNTICOS: 64 e 63

1, 2. Qual é a “invenção” que mais prejudica a humanidade, e quem a criou?

O TELEFONE, a lâmpada elétrica, o carro e a geladeira são algumas das invenções que tornaram nossa vida mais fácil. Só que existem invenções que colocam nossa vida em risco: a pólvora, as minas terrestres, o cigarro, a bomba atômica — só para mencionar algumas. Mas existe uma “invenção” bem mais velha que essas e que causa muito mais estragos na humanidade: a mentira! Uma pessoa mente quando diz algo que sabe que não é verdade só para enganar alguém. E quem foi que contou a primeira mentira? O Diabo! Jesus Cristo o chamou de “o pai da mentira”. (Leia João 8:44.) Quando foi que o Diabo falou a primeira mentira?

2 Foi milhares de anos atrás, lá no jardim do Éden. Adão e Eva, os primeiros humanos, estavam vivendo tranquilamente no Paraíso que Jeová tinha criado para eles. Então, o Diabo entrou em cena. Ele sabia que Jeová tinha proibido Adão e Eva de comer da “árvore do conhecimento do que é bom e do que é mau” e que eles morreriam se não obedecessem. Mesmo assim, Satanás usou uma serpente e contou a Eva a primeira mentira de todas: “Vocês certamente não morrerão.” E acrescentou: ‘Deus sabe que, no mesmo dia em que comerem do fruto, seus olhos se abrirão e vocês serão como Deus, sabendo o que é bom e o que é mau.’ — Gên. 2:15-17; 3:1-5.

3. Por que a mentira de Satanás foi maldosa, e o que aconteceu por causa dela?

3 A mentira de Satanás foi maldosa. Ele sabia muito bem que, se Eva acreditasse nele e comesse o fruto, ela ia morrer. Eva e depois Adão desobedecerem a Jeová, e os dois acabaram morrendo. (Gên. 3:6; 5:5) E não só isso. Por causa do pecado deles, “a morte se espalhou por toda a humanidade”, mesmo “sobre os que não haviam cometido pecado semelhante à transgressão de Adão”. (Rom. 5:12, 14) E hoje, em vez de termos a vida eterna e perfeita que Deus queria, chegamos com muito esforço aos 70 ou 80 anos. E boa parte desses anos “são repletos de dificuldades e tristeza”. (Sal. 90:10) Que trágico! E tudo por causa da mentira de Satanás.

4. (a) Que perguntas vamos analisar? (b) De acordo com o Salmo 15:1, 2, somente quem pode ser amigo de Jeová?

4 Jesus falou sobre o Diabo: “[Ele] não permaneceu na verdade, porque nele não há verdade.” Satanás não mudou. Ele ainda “está enganando toda a terra habitada” com suas mentiras. (Apo. 12:9) Nós não queremos cair nas mentiras dele. Por isso, vamos analisar três pontos: O que Satanás usa para enganar as pessoas hoje? Por que as pessoas mentem? Como mostramos que sempre ‘falamos a verdade’? É importante sabermos isso, senão corremos o risco de perder a amizade de Jeová, assim como Adão e Eva. — Leia Salmo 15:1, 2.

COMO SATANÁS ENGANA AS PESSOAS

5. O que Satanás usa para enganar as pessoas hoje?

5 Nós podemos escapar das mentiras de Satanás. Como o apóstolo Paulo disse, “não desconhecemos as suas intenções”. (2 Cor. 2:11; nota) Nós sabemos que o mundo inteiro — o que inclui a religião falsa, a política corrupta e o comércio ganancioso — é controlado pelo Diabo. (1 João 5:19) Por isso, não é de admirar que Satanás e os demônios influenciem os homens que têm poder a ‘falar mentiras’. (1 Tim. 4:1, 2) Muitas vezes, é isso o que alguns grandes comerciantes fazem. Eles falam mentiras em suas propagandas para tirar o dinheiro das pessoas ou convencê-las a comprar produtos que podem prejudicá-las.

6, 7. (a) Por que para Deus os líderes religiosos que contam mentiras são culpados? (b) Que mentiras você já ouviu de um líder religioso?

6 Deus considera especialmente culpados os líderes religiosos que contam mentiras. Afinal, se uma pessoa acreditar em um ensino falso e praticar algo que Deus na verdade condena, ela pode perder a chance de viver para sempre. (Ose. 4:9) Jesus acusou os líderes religiosos de sua época de enganarem as pessoas. Ele disse com todas as letras: “Ai de vocês, escribas e fariseus, hipócritas! Porque percorrem o mar e a terra para fazer um prosélito e, quando conseguem, fazem dele merecedor da Geena”, ou seja, da destruição eterna. (Mat. 23:15; nota) Jesus usou palavras bem fortes para condenar aqueles líderes religiosos. Eles realmente eram ‘filhos do Diabo, um assassino’. — João 8:44.

7 Hoje também existem muitos líderes religiosos com vários títulos diferentes. Mas, assim como aqueles fariseus do primeiro século, eles “suprimem a verdade” que está na Palavra de Deus e ‘trocam a verdade de Deus pela mentira’. (Rom. 1:18, 25) Eles promovem ensinos falsos, como o inferno de fogo, a alma imortal, a reencarnação e até acreditam que Deus aprova o estilo de vida homossexual e o casamento gay.

8. Que mentira estamos esperando que os políticos contem, mas como deveremos reagir?

8 Políticos também mentem para enganar a humanidade. Ainda vamos ouvir esses líderes contando a maior mentira de todas quando disserem que conseguiram “paz e segurança”. Mas “então virá instantaneamente sobre eles a repentina destruição”. Os políticos vão fazer tudo para que as pessoas acreditem que este sistema não está tão ruim assim. Por isso, temos que ficar atentos para não acreditar neles. Os cristãos “sabem muito bem que o dia de Jeová vem exatamente como um ladrão à noite”. — 1 Tes. 5:1-4.

POR QUE AS PESSOAS MENTEM

9, 10. (a) Por que as pessoas mentem, e o que isso causa? (b) O que nunca podemos esquecer sobre Jeová?

9 Uma invenção que se torna popular logo começa a ser produzida em grandes quantidades. Foi o que aconteceu com a mentira. Não são apenas os que estão no poder que contam mentiras. Para boa parte da sociedade, mentir é algo normal. Certo artigo da revista National Geographic com o tema “Por que mentimos” diz que a mentira já faz parte da natureza humana. As pessoas geralmente fazem isso para se proteger, talvez para encobrir um erro, ou para se promover, tentando ganhar dinheiro ou alguma outra vantagem. O artigo diz que muitos de nós, humanos, “em questões importantes e insignificantes, mentimos com facilidade — para estranhos, colegas de trabalho, amigos e até para aqueles que amamos”.

10 Todas essas mentiras acabam com a confiança e podem destruir relacionamentos. Por exemplo, imagine como é triste quando uma mulher está traindo seu marido fiel e conta mentiras para esconder o caso. Ou quando um homem maltrata a esposa e os filhos em casa, mas na frente dos outros finge ser o chefe de família perfeito. Essas pessoas podem enganar humanos, mas não podem mentir para Jeová. Para ele, “todas as coisas estão nuas e abertamente expostas”. — Heb. 4:13.

11. O que aprendemos com o mau exemplo de Ananias e Safira? (Veja o desenho no começo do estudo.)

11 Por exemplo, a Bíblia fala que “Satanás levou” Ananias e Safira, um casal do primeiro século, a mentir para Deus. Ananias e Safira planejaram enganar os apóstolos. Eles venderam uma propriedade e levaram apenas parte do dinheiro da venda para os apóstolos. Mas, para que toda a congregação achasse que eles eram generosos, Ananias e Safira disseram que estavam dando todo o dinheiro da venda. Jeová viu que eles estavam mentindo e deu a punição que eles mereciam. — Atos 5:1-10.

12. Qual será a condenação dos que mentem por maldade sem se arrepender, e por quê?

12 O que Jeová acha da mentira? Satanás e todos os que, assim como ele, mentem por maldade sem se arrepender, estão condenados ao “lago de fogo”. (Apo. 20:10; 21:8; Sal. 5:6) E por quê? Porque Jeová coloca esses mentirosos na mesma categoria de todos ‘aqueles que praticam coisas repugnantes aos seus olhos’. — Apo. 22:15, nota.

13. O que sabemos sobre Jeová, e isso deve nos motivar a fazer o quê?

13 Nós sabemos que Jeová “não é um homem para mentir”. Na verdade, “é impossível que Deus minta”. (Núm. 23:19; Heb. 6:18) Jeová odeia a “língua mentirosa”. (Pro. 6:16, 17) Se queremos ser amigos de Deus, temos que encarar a mentira assim como ele. É por isso que ‘não mentimos uns aos outros.’ — Col. 3:9.

“FALEM A VERDADE”

14. (a) Como podemos mostrar que somos diferentes dos membros da religião falsa? (b) Explique o princípio encontrado em Lucas 6:45.

14 Como os verdadeiros cristãos podem mostrar que são diferentes dos membros da religião falsa? Nós ‘falamos a verdade’. (Leia Zacarias 8:16, 17.) Paulo explicou que um modo de ‘nos recomendarmos como ministros de Deus’ é por falar “palavras verdadeiras”. (2 Cor. 6:4, 7) Jesus falou sobre as pessoas: ‘A boca fala do que o coração está cheio.’ (Luc. 6:45) Ou seja, para a boca de uma pessoa falar apenas palavras verdadeiras, a honestidade tem que estar no coração dela. Em questões importantes e insignificantes, ela vai falar a verdade — para estranhos, colegas de trabalho, amigos e para aqueles que ama. Veja alguns modos práticos de mostrarmos que queremos ser honestos em tudo.

Consegue ver qual é o problema na vida desta jovem irmã? (Veja os parágrafos 15 e 16.)

15. (a) Por que não vale a pena viver uma vida dupla? (b) O que pode ajudar os jovens a não ser influenciados pelos colegas? (Veja a nota.)

15 Se você é jovem, é provável que não goste de se sentir excluído pelos colegas de escola. Mas tome cuidado para não fazer o que alguns estão fazendo. Quando estão com a família ou com a congregação, esses jovens fingem ter uma boa conduta. Mas, quando estão perto de colegas não cristãos ou usando redes sociais, são outra pessoa: falam palavrões, usam roupas que não são modestas, escutam músicas imorais, bebem e usam drogas, namoram em segredo e muito mais. Quem tem uma vida dupla vive uma mentira, tentando enganar os pais, a congregação e Jeová. (Sal. 26:4, 5) Só que Jeová sabe quando estamos ‘honrando a ele com os lábios’ e não com o coração. (Mar. 7:6) É melhor fazer o que diz Provérbios 23:17: “Que o seu coração não inveje os pecadores, mas que tema a Jeová o dia inteiro.” *

16. Como podemos ser honestos ao preencher uma petição para o serviço de tempo integral?

16 Talvez você queira ser pioneiro regular ou entrar em alguma modalidade do tempo integral especial, como Betel. Quando for preencher a petição, seja honesto. Responda com sinceridade todas as perguntas relacionadas com sua saúde, sua escolha de diversão e sua moral. (Heb. 13:18) Mas e se você fez algo que Jeová odeia ou que está pesando em sua consciência e você ainda não falou com os anciãos? Peça a ajuda deles. Assim, você vai poder servir a Jeová de consciência limpa. — Rom. 9:1; Gál. 6:1.

17. O que devemos fazer se formos interrogados para dar informações sobre os irmãos?

17 E se você vive em um país onde nossa obra é proibida e as autoridades interrogam você para conseguir informações sobre os irmãos? Será que você deve falar tudo o que sabe? Lembre-se do que Jesus fez quando foi interrogado pelo governador romano. Ele seguiu o princípio de que ‘há tempo para ficar calado e tempo para falar’ e em alguns momentos não disse absolutamente nada! (Ecl. 3:1, 7; Mat. 27:11-14) Em situações assim, manter a discrição é sempre o melhor a fazer. Afinal, não queremos colocar nossos irmãos em perigo. — Pro. 10:19; 11:12.

Em que situações você deve ficar calado ou falar toda a verdade? (Veja os parágrafos 17 e 18.)

18. O que devemos fazer se os anciãos nos perguntarem o que sabemos sobre algum irmão?

18 E se você ficar sabendo que um irmão da congregação cometeu um pecado grave? Os anciãos têm a responsabilidade de manter a congregação pura. Então, pode ser que eles perguntem o que você sabe do assunto. O que você vai fazer, principalmente se a pessoa que pecou é um amigo achegado ou um parente seu? A Bíblia diz: “A testemunha fiel fala a verdade.” (Pro. 12:17; 21:28) Por isso, é sua responsabilidade contar toda a verdade aos anciãos, e não só parte dela. Não distorça as informações. Os anciãos têm direito de saber todos os fatos. Só assim poderão encontrar o melhor jeito de ajudar a pessoa que errou a restabelecer a amizade com Jeová. — Tia. 5:14, 15.

19. O que vamos ver no próximo estudo?

19 Davi orou: “Sei que sentes prazer quando há verdade no coração da pessoa.” (Sal. 51:6) Davi sabia que a honestidade é algo que vem de dentro, vem do coração. Por isso, os cristãos devem ‘falar a verdade uns com os outros’ em todas as situações. Outro modo de mostrarmos que somos diferentes da religião falsa é ensinando as verdades que estão na Bíblia. No próximo estudo, vamos ver como fazer isso na pregação.

^ parágrafo 15 Veja a brochura ypq 6:1-4 e lv 14:11 + quadro