Pular para conteúdo

Pular para sumário

 HISTÓRIA 73

A mensagem de João Batista

A mensagem de João Batista

João, o filho de Zacarias e Elisabete, cresceu e se tornou um profeta. Jeová escolheu João para dizer às pessoas que o Messias estava chegando. João não ensinava nas sinagogas ou perto das casas. Ele ensinava longe das cidades. Pessoas de Jerusalém e da Judeia procuravam João para aprender com ele. Ele ensinava que, para deixar Deus feliz, as pessoas tinham que parar de fazer coisas erradas. Então, muitos se arrependiam e eram batizados por João.

A vida de João era bem simples. A roupa dele era de pelo de camelo, e ele comia gafanhotos e mel. Muita gente queria conhecê-lo. Até os fariseus e saduceus, que eram muito orgulhosos, iam falar com João. Mas João dizia para eles:

— Não achem que Deus gosta mais de vocês do que dos outros. Vocês precisam mudar e se arrepender.

Muitas pessoas perguntavam para João o que elas deviam fazer para deixar Deus feliz. João respondia:

— Se vocês tiverem duas roupas, deem uma pra quem não tem.

Sabe por que João dizia isso? Ele queria ensinar que, para deixar Deus feliz, temos que amar as pessoas.

Para os homens que cobravam impostos, João dizia:

— Sejam honestos e não enganem ninguém.

Para os soldados, João falava:

— Não mintam e não tentem tirar dinheiro dos outros.

Quando os sacerdotes e os levitas perguntaram a João quem ele realmente era, João disse:

— Eu sou aquele que leva as pessoas pra Jeová. O profeta Isaías falou sobre mim.

As pessoas amavam o que João ensinava. Muitos até se perguntavam se João era o Messias. Mas João dizia:

— Alguém bem mais importante do que eu está chegando. Eu não mereço nem tirar as sandálias dele! Eu batizo com água, mas ele vai batizar com espírito santo.

“Esse homem veio como testemunha, a fim de dar testemunho da luz, para que pessoas de todo tipo cressem por meio dele.” — João 1:7