Pular para conteúdo

Pular para menu secundário

Pular para sumário

Testemunhas de Jeová

Língua brasileira de sinais

Aprenda do Grande Instrutor

CAPÍTULO 39

Deus não se esqueceu do seu Filho

Deus não se esqueceu do seu Filho

JESUS chorou quando seu amigo Lázaro morreu. Será que Jeová também ficou triste quando Jesus sofreu e morreu? — A Bíblia diz que Deus pode “sentir-se magoado” e triste com as coisas que acontecem. — Salmo 78:40, 41; João 11:35.

Consegue imaginar a dor que Jeová sentiu quando viu seu querido Filho morrer? — Jesus tinha certeza de que Deus não ia se esquecer dele. Por isso, suas últimas palavras antes de morrer foram: ‘Pai, deixo a minha vida nas tuas mãos.’ — Lucas 23:46.

Jesus tinha certeza de que ia ser ressuscitado, que não ia ser deixado “no inferno”, quer dizer, na sepultura. Depois que Jesus foi trazido de volta à vida, o apóstolo Pedro citou o que estava escrito na Bíblia sobre Jesus, dizendo: “Cristo . . . nem foi deixado no inferno, nem a sua carne viu a corrupção.” (Atos 2:31, Figueiredo; Salmo 16:10) Não deu tempo de o corpo de Jesus se corromper na sepultura, quer dizer, de ele se decompor e começar a cheirar mal.

Quando estava na Terra, Jesus até falou aos discípulos que ele não ia ficar morto por muito tempo. Ele explicou que ‘seria morto, mas seria levantado no terceiro dia’. (Lucas 9:22) Assim, os discípulos não deviam ter ficado surpresos quando Jesus foi ressuscitado. Mas será que ficaram? — Vamos ver.

O Grande Instrutor morreu na estaca de tortura mais ou menos às três horas da tarde de sexta-feira. José, um homem rico e membro do Sinédrio, era um seguidor secreto de Jesus. Quando ele ficou sabendo que Jesus tinha morrido, foi falar com Pilatos, o governador romano. Pediu permissão para tirar o corpo de Jesus da estaca a fim de enterrá-lo. Depois, levou o corpo de Jesus até um jardim onde havia um túmulo, quer dizer, um lugar onde se enterram os mortos.

José colocou o corpo no túmulo e depois empurrou uma pedra enorme para fechar a entrada. No terceiro dia, no domingo, havia guardas em frente ao túmulo. Eles tinham sido enviados pelos principais sacerdotes. Sabe por quê? —

Os sacerdotes também tinham ouvido Jesus dizer que seria ressuscitado. Eles ficaram com medo de que os discípulos roubassem o corpo e depois dissessem que Jesus tinha sido ressuscitado. Por isso, colocaram guardas para vigiar o túmulo. De repente, antes de o sol nascer, o chão começou a tremer. No meio da escuridão, brilhou uma luz. Era um anjo de Jeová! Os soldados ficaram com tanto medo que nem conseguiram se mexer. O anjo foi até o túmulo e rolou a pedra que fechava a entrada. O túmulo estava vazio!

Por que o túmulo estava vazio? O que aconteceu’?

Mais tarde, o apóstolo Pedro descreveu o que aconteceu, dizendo: “A este Jesus, Deus ressuscitou.” (Atos 2:32) Deus fez Jesus viver novamente com um corpo parecido ao que ele tinha antes de vir à Terra. Ele foi ressuscitado com um corpo espiritual, como o dos anjos. (1 Pedro 3:18) Assim, para que as pessoas pudessem vê-lo, Jesus precisava fazer corpos de carne e osso. Será que ele fez isso? — Vamos ver.

O sol já tinha nascido e os soldados já tinham ido embora quando Maria Madalena e outras discípulas de Jesus foram ao túmulo. No caminho, elas se perguntavam: ‘Quem vai rolar para nós aquela pedra pesada da entrada do túmulo?’ (Marcos 16:3) Mas quando chegaram ao túmulo, a pedra já tinha sido tirada. E o túmulo estava vazio! O corpo carnal de Jesus tinha sumido! Na mesma hora, Maria Madalena saiu correndo para contar isso aos apóstolos de Jesus.

As outras mulheres continuaram junto ao túmulo. Elas se perguntavam: ‘Onde será que está o corpo de Jesus?’ De repente, apareceram dois homens com roupas brilhantes. Eram anjos! Eles disseram às mulheres: ‘Por que estão procurando Jesus aqui? Ele foi ressuscitado. Vão rápido e contem isso aos discípulos dele.’ Bem, dá para imaginar que as mulheres correram o mais rápido que puderam. No caminho, encontraram um homem. Quem era? —

Era Jesus, que tinha aparecido com um corpo de carne e osso! Ele também disse às mulheres: ‘Vão contar isso aos meus discípulos.’ Elas ficaram muito felizes. Quando encontraram os discípulos, disseram: ‘Jesus está vivo! Nós o vimos!’ Maria já tinha contado a Pedro e a João sobre o túmulo vazio. Como pode ver no desenho, os dois foram ver isso com os próprios olhos. Examinaram os panos de linho em que Jesus tinha sido enrolado, mas não sabiam o que pensar. Queriam acreditar que Jesus estava vivo de novo, mas isso parecia bom demais para ser verdade.

O que Pedro e João devem estar pensando’?

Mais tarde naquele domingo, Jesus apareceu na estrada para dois de seus discípulos que iam para a aldeia de Emaús. Jesus caminhou e conversou com eles, mas eles não o reconheceram porque ele não estava com um corpo carnal parecido com o que tinha antes. Foi só quando Jesus se sentou para comer e fez uma oração que eles o reconheceram. Os discípulos ficaram tão animados que correram vários quilômetros de volta a Jerusalém. Pode ter sido pouco depois disso que Jesus apareceu a Pedro, para mostrar a ele que estava vivo.

Naquela noite, vários discípulos se reuniram numa sala. As portas estavam trancadas. De repente, Jesus apareceu bem no meio deles! Agora eles tinham certeza de que o Grande Instrutor estava mesmo vivo. Imagine como ficaram contentes! — Mateus 28:1-15; Lucas 24:1-49; João 19:38–20:21.

Durante 40 dias Jesus apareceu com corpos diferentes para mostrar aos discípulos que estava vivo. Daí, ele foi embora da Terra para viver de novo com seu Pai no céu. (Atos 1:9-11) Logo, os discípulos começaram a contar a todos que Deus tinha trazido Jesus de volta à vida. Os sacerdotes mandaram bater nos discípulos e matar alguns deles, mas mesmo assim eles não pararam de pregar. Sabiam que, se morressem, Deus ia se lembrar deles assim como tinha se lembrado de seu Filho.

Quando se lembram da ressurreição de Jesus, muitas pessoas pensam no quê? No que você pensa?

Como esses primeiros seguidores de Jesus eram diferentes de muitas pessoas de hoje! Quando se lembram da ressurreição de Jesus, uma vez por ano, essas pessoas só pensam em coelhos e em ovos de Páscoa coloridos. Mas a Bíblia não fala nada sobre essas coisas. Ela fala que devemos servir a Deus.

Se quisermos ser como os discípulos de Jesus, devemos falar às pessoas que Deus fez algo maravilhoso quando ressuscitou seu Filho. Não precisamos ter medo, mesmo que as pessoas digam que vão nos matar. Se morrermos, Jeová vai se lembrar de nós e nos ressuscitar, como fez com Jesus.

Não fica feliz de saber que Deus se lembra dos seus servos e vai até ressuscitá-los? — Já que sabemos disso, precisamos descobrir o que temos de fazer para deixar Deus feliz. Sabia que é possível fazer isso? — Vamos aprender sobre esse assunto no próximo capítulo.

Se acreditarmos na ressurreição de Jesus, nossa esperança e nossa fé serão fortes. Leia Atos 2:22-36; 4:18-20 e 1 Coríntios 15:3-8, 20-23.