Pular para conteúdo

Pular para menu secundário

Pular para sumário

Testemunhas de Jeová

Língua brasileira de sinais

Aprenda com as Histórias da Bíblia

 HISTÓRIA 11

Um pedido muito difícil

Um pedido muito difícil

Abraão sempre amou a Jeová e confiou nele, e ensinou seu filho Isaque a fazer isso também. Mas, quando Isaque tinha 25 anos, Jeová pediu para Abraão fazer algo muito difícil. O quê? Deus disse para Abraão:

— Por favor, vá para um lugar chamado Moriá. Quando chegar lá, eu quero que você me dê um presente. Dessa vez, não quero um animal. Quero que você me dê Isaque, seu único filho.

Abraão não entendeu por que Jeová pediu isso para ele. Mesmo assim, como sempre, ele obedeceu a Jeová.

Assim que amanheceu, Abraão foi com Isaque e com dois empregados para onde Jeová tinha mandado. Depois de três dias de viagem, eles começaram a ver os montes de Moriá. Então, Abraão disse para os seus empregados:

— Fiquem aqui. Eu e Isaque vamos dar um presente pra Jeová.

Abraão pediu para Isaque carregar um pouco de lenha e pegou uma faca. Isaque perguntou a Abraão:

— Pai, onde está o animal que vamos dar pra Jeová?

— Não se preocupe, meu filho. Jeová vai cuidar disso.

Quando finalmente chegaram no monte, eles prepararam um lugar para colocar a lenha em cima. Depois, Abraão amarrou as mãos e os pés de Isaque e o deitou em cima da lenha.

Aí, Abraão pegou a faca. E, bem naquela hora, ouviu um anjo de Jeová falar:

 — Abraão! Não machuque Isaque! Agora eu sei que você tem muita fé em Deus. Mesmo não sendo fácil, você ia dar para Deus seu único filho.

Então, Abraão viu um carneiro que estava com os chifres presos numa pequena árvore. Ele pegou o carneiro e o deu de presente para Jeová no lugar de Isaque.

Daquele dia em diante, Jeová começou a chamar Abraão de amigo. Sabe por quê? Porque, mesmo sem entender bem as ordens de Jeová, Abraão fazia tudo o que Jeová pedia.

Daí, Jeová repetiu a promessa que tinha feito para Abraão:

— Eu vou abençoar você, e você vai ter uma família muito grande. E vou usar sua família para trazer coisas boas para todas as pessoas na Terra.

“Deus amou tanto o mundo, que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele exercer fé não seja destruído, mas tenha vida eterna.” — João 3:16