Ezequiel 48:1-35

  • Divisão da terra (1-29)

  • Os 12 portões da cidade (30-35)

    • Cidade chamada “Jeová Está Ali” (35)

48  “Estes são os nomes das tribos, começando da extremidade norte: a parte de Dã+ corre ao longo da estrada de Hetlom até Lebo-Hamate*+ e até Hazar-Enã, ao longo do limite de Damasco em direção ao norte, junto a Hamate;+ e se estende desde a fronteira leste até a oeste.  A parte de Aser+ faz limite com a de Dã, desde a fronteira leste até a fronteira oeste.  A parte de Naftali+ faz limite com a de Aser, desde a fronteira leste até a fronteira oeste.  A parte de Manassés+ faz limite com a de Naftali, desde a fronteira leste até a fronteira oeste.  A parte de Efraim faz limite com a de Manassés,+ desde a fronteira leste até a fronteira oeste.  A parte de Rubem faz limite com a de Efraim,+ desde a fronteira leste até a fronteira oeste.  A parte de Judá faz limite com a de Rubem,+ desde a fronteira leste até a fronteira oeste.  Fazendo limite com Judá, desde a fronteira leste até a fronteira oeste, vocês devem reservar como contribuição uma parte com 25.000 côvados* de largura+ e com o comprimento igual ao das partes das outras tribos, desde a fronteira leste até a fronteira oeste. O santuário ficará no meio dela.  “A contribuição que vocês devem reservar para Jeová terá 25.000 côvados de comprimento e 10.000 de largura. 10  Essa será a contribuição sagrada para os sacerdotes.+ Ela terá 25.000 côvados no lado norte, 10.000 no oeste, 10.000 no leste e 25.000 no sul. O santuário de Jeová ficará no meio dela. 11  Será para os sacerdotes santificados dentre os filhos de Zadoque,+ os que cuidaram de suas responsabilidades para comigo e não se desviaram quando os israelitas e os levitas se desviaram.+ 12  Eles terão uma porção da contribuição da terra reservada como algo santíssimo, fazendo limite com a dos levitas. 13  “Logo depois do território dos sacerdotes, os levitas terão uma porção de 25.000 côvados de comprimento e 10.000 de largura. (O comprimento total será de 25.000 côvados; e a largura, 10.000.) 14  Eles não devem vender, trocar nem transferir nenhum pedaço dessa que é a melhor parte da terra, pois ela é sagrada para Jeová. 15  “A área que sobrar, de 5.000 côvados de largura ao longo do limite de 25.000 côvados, será destinada ao uso comum da cidade,+ para moradia e para pastagem. A cidade ficará no meio dela.+ 16  Estas são as medidas da cidade: o limite norte medirá 4.500 côvados, o limite sul medirá 4.500, o limite leste medirá 4.500, e o limite oeste medirá 4.500. 17  A pastagem da cidade terá 250 côvados ao norte, 250 ao sul, 250 ao leste e 250 ao oeste. 18  “O comprimento da parte que sobrar se estenderá ao longo da contribuição sagrada+ por 10.000 côvados ao leste e por 10.000 ao oeste. Ela se estenderá ao longo da contribuição sagrada, e sua produção servirá de alimento para os trabalhadores da cidade. 19  Ela será cultivada pelos trabalhadores da cidade, vindos de todas as tribos de Israel.+ 20  “A contribuição inteira é um quadrado de 25.000 côvados de lado. Vocês devem reservá-la como contribuição sagrada junto com a propriedade da cidade. 21  “O que sobrar dos dois lados da contribuição sagrada e da propriedade da cidade pertencerá ao maioral.+ Ficará junto aos limites de 25.000 côvados ao leste e ao oeste da contribuição. Será paralelo às partes adjacentes e pertencerá ao maioral. A contribuição sagrada e o santuário do templo ficarão no seu meio. 22  “A propriedade dos levitas e a propriedade da cidade ficarão no meio da parte que pertence ao maioral. O território do maioral ficará entre o limite de Judá+ e o limite de Benjamim. 23  “Quanto às tribos restantes, a parte de Benjamim se estende desde a fronteira leste até a fronteira oeste.+ 24  A parte de Simeão faz limite com a de Benjamim,+ desde a fronteira leste até a fronteira oeste. 25  A parte de Issacar+ faz limite com a de Simeão, desde a fronteira leste até a fronteira oeste. 26  A parte de Zebulão faz limite com a de Issacar,+ desde a fronteira leste até a fronteira oeste.+ 27  A parte de Gade faz limite com a de Zebulão,+ desde a fronteira leste até a fronteira oeste. 28  A fronteira sul, que passa ao longo do limite de Gade, vai desde Tamar+ até as águas de Meribate-Cades,+ até a Torrente*+ e dali até o Grande Mar.* 29  “Essa é a terra que vocês devem distribuir como herança entre as tribos de Israel,+ e essas serão as suas partes”,+ diz o Soberano Senhor Jeová. 30  “Estas serão as saídas da cidade: O lado norte medirá 4.500 côvados.+ 31  “Os portões da cidade terão os nomes das tribos de Israel. Haverá três portões ao norte: um portão para Rubem, um portão para Judá e um portão para Levi. 32  “O lado leste medirá 4.500 côvados, e haverá ali três portões: um portão para José, um portão para Benjamim e um portão para Dã. 33  “O lado sul medirá 4.500 côvados, com três portões: um portão para Simeão, um portão para Issacar e um portão para Zebulão. 34  “O limite oeste medirá 4.500 côvados, com três portões: um portão para Gade, um portão para Aser e um portão para Naftali. 35  “O perímetro da cidade medirá 18.000 côvados. E daquele dia em diante o nome da cidade será Jeová Está Ali.”+

Notas de rodapé

Ou: “a entrada de Hamate”.
Isto é, côvados longos. Veja Ap. B14.
Isto é, a torrente do Egito.
Isto é, o mar Mediterrâneo.