Configurações de acessibilidade

Pular para menu principal

Pular para menu secundário

Pular para conteúdo

Testemunhas de Jeová

DESPERTAI! 2008-12

 O Conceito da Bíblia

Quando Jesus nasceu?

“NÃO se sabe a data exata do nascimento de Cristo”, diz a Encyclopedia of Early Christianity (Enciclopédia do Cristianismo Primitivo). Mesmo assim, milhões de professos cristãos no mundo inteiro comemoram o nascimento de Jesus no dia 25 de dezembro. Mas essa data não aparece em lugar nenhum na Bíblia. Será que Jesus nasceu mesmo em dezembro?

Embora a Bíblia não forneça uma data específica para o nascimento de Jesus, ela apresenta provas de que ele não nasceu em dezembro. Também, por analisarmos evidências não bíblicas, descobriremos por que o dia 25 de dezembro foi escolhido como a data do seu nascimento.

Por que não em dezembro?

Jesus nasceu em Belém, uma cidade de Judá. O Evangelho de Lucas relata: “Havia também no mesmo país pastores vivendo ao ar livre e mantendo de noite vigílias sobre os seus rebanhos.” (Lucas 2:4-8) Isso não era incomum. “Os rebanhos passavam a maior parte do ano ao ar livre”, diz o livro Daily Life in the Time of Jesus (A Vida Diária na Época de Jesus). Mas será que os pastores ficariam ao ar livre com seus rebanhos numa noite de dezembro, que naquela região é um mês de inverno? O livro diz: “Eles passavam o inverno em abrigos; e só com base nisso podemos ver que é improvável que a data tradicional do Natal esteja certa, visto que o Evangelho diz que os pastores estavam nos campos.”

Essa conclusão é apoiada por outro detalhe no Evangelho de Lucas: “Naqueles dias saiu um decreto da parte de César Augusto, para que toda a terra habitada se registrasse; (este primeiro registro ocorreu quando Quirino era governador da Síria;) e todos viajaram para se registrarem, cada um na sua própria cidade.” — Lucas 2:1-3.

Augusto provavelmente decretou esse censo com o objetivo de obter informações para fins tributários e recrutamento militar. Obedecendo ao decreto, Maria, apesar da gravidez bem avançada, acompanhou seu marido José  na viagem de quase 150 quilômetros de Nazaré a Belém. Agora, imagine só: será que Augusto — um governante que quase nunca interferia no governo local — exigiria que aquele povo, que já tinha uma inclinação para a revolta, fizesse uma viagem tão longa no inverno?

É significativo que a maioria dos historiadores e eruditos bíblicos não considera o dia 25 de dezembro como a data do nascimento de Jesus. Com certeza você poderá verificar isso em uma enciclopédia. A Our Sunday Visitor’s Catholic Encyclopedia (Enciclopédia Católica do Nosso Visitante Dominical) diz: “Existe um consenso sobre o fato de Jesus não ter nascido no dia 25 de dezembro.”

A Bíblia contém evidências de que Jesus não nasceu em dezembro

Por que 25 de dezembro

O dia 25 de dezembro foi escolhido como a data do nascimento de Jesus centenas de anos após sua morte. Por quê? Vários historiadores acreditam que a época do ano que se tornou o Natal era na verdade um período de festividades pagãs.

Por exemplo, a Encyclopædia Britannica diz: “Uma explicação amplamente difundida sobre a origem dessa data é que o dia 25 de dezembro surgiu em decorrência da cristianização do dies solis invicti nati (‘o dia do nascimento do Sol invicto’). Esse dia era um feriado popular no Império Romano que celebrava o solstício de inverno, simbolizando o retorno do Sol, o fim do inverno e a proclamação do renascimento da primavera e do verão.”

A The Encyclopedia Americana informa: “O motivo da escolha do dia 25 de dezembro para o Natal não é tão claro, mas acredita-se que foi para corresponder às festividades pagãs que eram realizadas por volta da época do solstício de inverno, quando os dias começavam a ficar mais longos, a fim de celebrar o ‘renascimento do Sol’. . . . A saturnal romana (uma festa em honra a Saturno, o deus da agricultura, e ao renovado poder do Sol) também era realizada nessa época.” Nessas festividades, os participantes geralmente se comportavam de modo imoral e descontrolado. É interessante notar que esse comportamento é característico de muitas das atuais celebrações natalícias.

Como honrar a Cristo

Alguns acham que os cristãos devem comemorar essa data mesmo sem saber ao certo o dia em que Jesus nasceu. Eles pensam que, se for realizada de um modo digno, essa celebração é uma forma apropriada de honrar a Cristo.

O relato da Bíblia mostra que o nascimento de Jesus é de fato um evento importante. Ela diz que, quando Jesus nasceu, uma multidão de anjos apareceu de repente e irrompeu em alegre louvor a Deus, dizendo: “Glória a Deus nas maiores alturas, e na terra paz entre homens de boa vontade.” (Lucas 2:13, 14) Mas é importante lembrar que a Bíblia não menciona em parte alguma que o nascimento de Jesus deve ser celebrado. Em vez disso, há um mandamento específico para comemorar a morte dele, algo que as Testemunhas de Jeová fazem uma vez por ano. (Lucas 22:19) Essa é uma maneira de honrar a Jesus.

Na última noite de sua vida humana, Jesus disse: “Vós sois meus amigos, se fizerdes o que vos mando.” (João 15:14) Ele também falou: “Se me amardes, observareis os meus mandamentos.” (João 14:15) Sem dúvida, não existe melhor maneira de honrar a Jesus Cristo do que aprender os seus ensinamentos e segui-los.

 

 

LOGIN